Back to Top icon+icon-facebookicon-fichaicon-fullscreenicon-kukagameslogo-safer icon-mobileicon-nucleoicon-printicon-seta-nexticon-seta-previcon-vire

Ficha para o professor

Bebês na selva

Bebês na selva

Você sabia que os animais da selva têm muitos hábitos curiosos?

Quer saber quais são essas curiosidades?

Então aperte o play!

JOGAR

Nível de Ensino

Ensino Fundamental I

Educação Infantil

Componente curricular

Matemática

Ciências

Tema

Série

1º Estágio - 2º Estágio - 1º Ano

Idade

05 a 07 anos

Objetivos para o aluno

  • Conhecer sobre os animais da selva;
  • Entender curiosidades envolvendo os hábitos dos animais selvagens;
  • Estimular a aprendizagem;
  • Estimular habilidades de estratégias na resolução de problemas;
  • Desenvolver a atenção e o pensamento lógico;
  • Desenvolver a coordenação motora;
  • Promover exercício da memória;
  • Desenvolver diferentes habilidades do pensamento como: observar, comparar, analisar e sintetizar;
  • Analisar figuras e ampliar as noções de composição e decomposição a partir da fragmentação de uma imagem;
  • Perceber as diferentes posições de figuras fragmentadas de uma imagem;
  • Analisar figuras e ampliar as noções de composição e decomposição a partir da fragmentação de uma imagem;
  • Perceber as diferentes posições de figuras fragmentadas de uma imagem;
  • Estimular a cooperação entre os colegas por meio da promoção de atividades em duplas ou grupos;

Objetivos para o professor

  • Apresentar aos alunos curiosidades sobre os animais da selva;
  • Oferecer jogos didática para o desenvolvimento motor e cognitivo das crianças;
  • Oferecer o jogo como recurso didático para fixar o conteúdo trabalhado em sala de aula;
  • Ampliar os conhecimentos dos alunos;
  • Trabalhar com os alunos habilidades de concentração e raciocínio lógico;
  • Trabalhar a atenção e concentração;
  • Possibilitar o desenvolvimento das diversas habilidades do pensamento, como a observação, a comparação, análise e a capacidade de sintetizar;

Sugestão de abordagem para o professor

(Sugestão 1) Promover atividade de classificação (separar objetos por cores, por tamanho, por textura)

(Sugestão 2) Solicitar que os alunos construam uma história com os animais do jogo. A história pode conter apenas desenhos, mas é muito importante ensinar mostrar a sequência lógica de uma história.

(Sugestão 3) Solicitar que os alunos pratiquem cada quebra-cabeça mais uma vez para exercitar a memória.

(Sugestão 4) Propor a utilização de quebra-cabeça físico.

(Sugestão 5) Elaborar um quebra cabeça usando palitos de picolé. Peça para os alunos escolherem um desenho para pintar, em seguida os alunos deverão escrever a palavra correspondente ao desenho. Para isso é necessário que os palitos de picolé estejam colados atras com uma fita adesiva. Após a escrita e desenho separe e embaralhe os palitos. Por último solicite que os alunos façam a união correta. Essa é uma atividade interdisciplinar com a disciplina de língua portuguesa.

(Sugestão 6) Utilizar jogo de dominó.

(Sugestão 7) Elabora fichas com sequências lógicas com assuntos interdisciplinares. Exemplo: metamorfose da borboleta, chuva, preparo do bolo etc...

(Sugestão 8) Trabalhar jogo dos 7 erros.

(Sugestão 9) Atividade de jogos de quebra-cabeça humano, cada aluno é uma peça do jogo, na qual será construída uma figura determinada pela professora ou pela turma.

(Sugestão 10) Trabalhar com brinquedos de monta-monta (estilo LEGO). Promover a construção de objetos com estes brinquedos; casas, animais, carros e etc.

(Sugestão 11) Solicitar que os alunos construam um painel com vários recortes e figuras de animais selvagens,

Complementando o conteúdo

Vantagens da utilização de quebra-cabeças:

1. Concentração: Prestar atenção inclui possuir a capacidade de se concentrar em uma coisa por um período prolongado de tempo. Trabalhar em um quebra-cabeça até a conclusão dá às crianças a chance de trabalhar em uma tarefa, sem interrupções.

2. Consistência Espacial: A consciência espacial também envolve a compreensão de como as relações entre os objetos mudam quando um ou mais deles são movidos. Ao resolver quebra-cabeças, a percepção espacial entra em jogo em grande momento.

3. Reconhecimento de forma: Os quebra-cabeças mais complexos também exigem que seu filho reconheça as formas ao encaixar as peças. Por exemplo, as crianças aprendem que as peças das arestas apresentam uma linha reta e não cabem no meio de um quebra-cabeça.

4. Desenvolvimento da capacidade motora fina: Leva tempo para as crianças desenvolverem movimentos suaves e finos. Em particular, os músculos das mãos jovens precisam de muita prática para segurar e mover pequenos objetos com precisão. Isso é realmente o que acontece quando a criança brinca com quebra-cabeças.

5. Habilidade de resolução de problemas: Montar um quebra-cabeça apresenta um problema básico. As peças estão todas misturadas e devem ser organizadas e montadas. Isso cria uma chance de aprender habilidades de resolução de problemas.

6. Memória: Como as crianças costumam montar o mesmo quebra-cabeça indefinidamente, elas também podem se lembrar de quais peças se encaixam. Esta é outra maneira de melhorar suas memórias.

7. Paciência: os quebra-cabeças não são como esportes, você não pode simplesmente ir até o prato e balançar até derrubá-lo. Você deve praticar a paciência e trabalhar lentamente o quebra-cabeça antes de chegar ao final.

Conheça outros Jogos do ESCOLA GAMES que trabalham as mesmas habilidades:

Animais Puzzle

Monstros Puzzle

Panda Puzzle

Super Heróis Puzzle

Quebra-cabeça

Como acessar o jogo educativo

Jogue na internet, acessando: https://www.escolagames.com.br/jogos/bebesNaSelva/